Confira os maiores escritores da Literatura Brasileira

Se você é brasileiro ou tem afeição pela Literatura Brasileira, deve conhecer a frase: "tudo vale a pena quando a alma não é pequena", de Fernando Pessoa. Dentre muitos escritores que tivemos o prazer de ter em nossa História, existem alguns que marcaram um espaço consideravelmente grande com suas obras eternas. Sempre cada um com sua peculiaridade, eles encheram nossas vidas de sonhos e possibilidades de viajar sem sair da cadeira. E, por isso, temos nossa eterna gratidão à eles. Dentre tantos escritores inesquecíveis, separamos os top 5 escritores da Literatura Brasileira. Você sabe quem são os autores mais importantes da literatura brasileira? 

Confira os maiores escritories da Literatura Brasileira
Conhece os precursores do humanismo, romantismo, modernismo, entre outros movimentos literários? Se a resposta para essas perguntas é negativa, não deixe de relembrar um pouco da história dos principais autores da nossa literatura. Confira aqui e amplie seus conhecimentos:








1- MANUEL BANDEIRA:

Este notável poeta do modernismo brasileiro nasceu em Recife, Pernambuco, no ano de 1886.  Teve seu talento evidenciado desde cedo quando já se destacava nos estudos.

Durante o período em que cursava a Faculdade Politécnica em São Paulo, Bandeira precisou deixar os estudos para ir à Suíça na busca de tratamento para sua tuberculose. Após sua recuperação, ele retornou ao Brasil e publicou seu primeiro livro de versos, Cinza das Horas, no ano de 1917; porém, devido à influência simbolista, esta obra não teve grande destaque. Com o lirismo bem comportado, passou a abordar temas com mais encanto, sendo que muitos deles tinham foco nas recordações de infância. 
Além de poeta, Manuel Bandeira exerceu também outras atividades: jornalista, redator de crônicas, tradutor, integrante da Academia Brasileira de Letras e também professor de História da Literatura no Colégio Pedro II e de Literatura Hispano-Americana na faculdade do Brasil, Rio de Janeiro. 

Este, que foi um dos nomes mais importantes do modernismo no Brasil e faleceu no ano 1968.

2- ÁLVARES DE AZEVEDO:

 Juntamente a Castro Alves e José de Alencar, o autor também ganhou destaque no romantismo brasileiro, fazendo parte de sua segunda geração (ultrarromântica). A poesia de Azevedo se caracterizou principalmente pelos temas morte, mulher, patriotismo e saudosismo da infância. Um de seus livros mais famosos é o "Noite na taverna". Entre seus poemas destacam-se "Namoro a cavalo" e "A lagartixa".







3- JOSE DE ALENCAR:



José de Alencar é considerado o maior romancista do romantismo brasileiro, tendo criado uma literatura nacionalista ao usar um vocabulário e uma sintaxe típicos do Brasil. Seus livros indianistas buscam transportar as tradições indígenas para a ficção, relatando mitos, lendas, festas, usos e costumes, muitas vezes observados pessoalmente pelo autor, como é o caso "O Guarani", "Iracema" e "Ubirajara" .









4-  CASTRO ALVES:


O autor é considerado um dos mais brilhantes poetas românticos brasileiros e foi chamado de "cantor dos escravos" pelo entusiasmo diante das grandes causas da liberdade e da justiça da época. Faz parte da Terceira Fase do Romantismo, também conhecida como Condoreira - onde lembra um pássaro Condor, que prega a liberdade. Em 1870 publicou uma de suas obras mais importantes, o livro "Espumas flutuantes". Além dele, Castro Alves escreveu os poemas "Vozes d'África" e "O navio negreiro", considerados os dois mais representativos da carreira.


5- JOAQUIM MARIA MACHADO DE ASSIS:


Machado de Assis é considerado um dos mais importantes escritores da literatura brasileira. Nasceu no Rio de Janeiro em 1839, filho de uma família muito pobre. Mulato e vítima de preconceito, perdeu na infância sua mãe e foi criado pela madrasta. Superou todas as dificuldades da época e tornou-se um grande escritor.
 Trabalhou como aprendiz de tipógrafo, foi revisor e funcionário público.
Foi um dos fundadores da Academia Brasileira de letras e seu primeiro presidente.
Podemos dividir as obras de Machado de Assis em duas fases: Na primeira fase (fase romântica) os personagens de suas obras possuem características românticas, sendo o amor e os relacionamentos amorosos os principais temas de seus livros. Desta fase podemos destacar as seguintes obras: A Mão e a Luva , Helena  e Iaiá Garcia.

Na Segunda Fase ( fase realista ), Machado de Assis abre espaços para as questões psicológicas dos personagens. É a fase em que o autor retrata muito bem as características do realismo literário. Machado de Assis faz uma análise profunda e realista do ser humano, destacando suas vontades, necessidades, defeitos e qualidades. Nesta fase destaca-se as seguintes obras: Memórias Póstumas de Brás Cubas, Quincas Borba, Dom Casmurro e Memorial de Aires, onde faleceu de câncer após publicá-la.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

© Melhores Dicas